UM BREVE RECADO PARA OS PAIS!

Daniela Margotto fala sobre um tema que nunca perde importância na fotografia newborn. A questão da segurança dos bebês na hora do ensaio.

Por Blog Newborn

Muito já foi falado sobre a fotografia newborn.

Há cerca de 8 anos vimos divulgando que ela é realizada entre o 5º. e o 15º. dia de vida. Também já explicamos que o motivo de serem feitas nesse período é porque os bebês são mais flexíveis (portanto ficam com facilidade nas poses), que eles tem menos probabilidade de terem cólicas e talvez o mais importante: dormem mais! Depois desse período geralmente já começam a ficar mais “espertinhos” e o ensaio pode se estender e ficar cansativo para todos.

Mas hoje quero chamar atenção para um assunto muito importante: a segurança do bebê durante o ensaio!

Esse é um assunto que não sai da moda, um assunto quer nunca será demais falarmos sobre.

Por isso lançamos este mês, uma importante campanha pela Associação Brasileira de Fotógrafos de Recém-Nascidos, a ABFRN (a qual ajudei a fundar em 2012 e hoje sou Conselheira).

A Campanha é justamente sobre segurança. Ela se chama: “Newborn Seguro Eu Faço”. Com a hashtag #newbornseguroeufaco e com fotos e textos, pretendemos alcançar e educar não só os fotógrafos, mas também os pais.

Por que atingir os pais? Uma vez que os pais saibam que existem fotos que são feitas com montagem (fusão de fotos) e que ela é altamente recomendada em certas poses para que seu bebê não corra risco), esses pais poderão exigir isto de seus fotógrafos. Ou seja, é importante que os pais tenham alguns conhecimentos sobre este ensaio para que possam cobrar de nós fotógrafos a conduta correta. É o poder da informação.

Simples assim: se eles forem ignorantes sobre este assunto (ignorantes não no sentido pejorativo, mas sim de ignorarem informações importantes sobre este ensaio), eles não saberão se o fotógrafo está colocando seu bebê em risco.

Como mencionei, algumas fotos são feitas com composições de duas fotos, como é o caso da “pose do sapinho” e do “saco de batata” (os pais que pesquisarem acharão milhares de imagens). E se pesquisarem no Instagram pela hashtag #newbornseguroeufaco poderão ver a maneira correta de como são feitas (lembrando que as fotos da campanha tem o selo da ABFRN). Ou podem pesquisar também na própria página da ABFRN no Instagram (@abfrn).

Como vários fotógrafos já haviam postado sobre a fusão desses dois tipos de fotos, resolvi colaborar com a campanha falando sobre a importância de não deixarmos o bebê desacompanhado em certas poses, como por exemplo na pose do cestinho. Além disso, chamo a atenção no texto da campanha para que o fotógrafo estude sobre o recém-nascido para que possa conhecer sobre temperatura e umidade do ambiente, higienização do local e dos acessórios e muitos outros aspectos, que o farão proporcionar uma boa experiência ao cliente, além das lindas fotos!

Fica minha dica para os pais: pesquisem sobre o fotógrafo, procurem ler depoimentos ou saber informações de quem já fez fotos com ele e não menos importante: se informem como são feitas as poses que requerem montagens, fique de olho se o seu bebê não fica desacompanhado durante o ensaio, se o ambiente está limpo e aquecido, se seu fotógrafo se preocupa em estudar para oferecer um ensaio seguro para seu filho. Segurança sempre em primeiro lugar!

___________________________________________________________________________________________________

Sobre Daniela Margotto

É fotógrafa de família e newborn e uma das fundadoras da ABFRN.

Fonte: Blog Newborn FHOX